06/02/2020

Borda de piscina: os tipos de materiais mais indicados para revestir


Compartilhe:

Na hora de projetar uma área externa com piscina, definir como será a borda é muito importante e requer atenção para saber se o material escolhido vai atender às necessidades dos moradores da casa. Lembrando que cada material é único e tem suas características  técnicas, estéticas e benefícios diferentes.

De forma geral, independente do tipo de material que você vai escolher, é importante se atentar a duas características: a primeira é garantir que esse revestimento não tenha uma "quina viva". Por ser um lugar onde as pessoas ficam com as pernas encostadas e muitas vezes usam essa borda para apoiarem a cabeça e mãos, uma quina que não tenha um acabamento mais boleado pode machucar. E a segunda característica é que o material não seja extremamente liso a fim de evitar um escorregamento. O ideal é ter uma textura mais antiderrapante.

Veja abaixo as opções de materiais:

Borda de cerâmica

A cerâmica é uma opção bem bacana para borda, pois tem baixo percentual de absorção, podendo ir até dentro da piscina. Por ter um formato pequeno, existem muitas possibilidades de acabamentos que podem ser instalados na bordas e em todos os cantos da piscina, inclusive nas que têm degraus. Para quem gosta de projetos mais coloridos, as pastilhas tem uma gama bem grande de cores. E muitos fabricantes fazem desenhos personalizados (caso você queira algo mais divertido).

 

Borda de porcelanato

Com baixa absorção e com muitos estilos de materiais, as bordas de piscina em porcelanato reproduzem mármores, madeira, pedras rústicas... Você consegue fazer muitas composições devido a versatilidade desse produto. Existem fabricantes que disponibilizam bordas prontas, mas você também pode personalizar em lojas especializadas em revestimentos.