24/10/2019

Como é feita a piscina de vidro


Compartilhe:

Ter uma piscina de vidro é mais do que ter uma área de lazer. Esse tipo de piscina deixa o ambiente moderno, sendo um item de decoração do espaço.

Não há dúvidas de que ter uma piscina em casa favorece a valorização do patrimônio. E se a piscina é de vidro, a valorização é ainda maior, segundo especialistas do setor. Além de ser ideal para momentos de lazer, a piscina de vidro é um item decorativo e que dá um ar elegante e sofisticado a qualquer ambiente.

No entanto, a construção desse tipo de piscina requer um detalhamento e um cuidado maior que as piscinas convencionais de alvenaria ou fibra. Isso porque a estrutura deve ser feita com total precisão para que o vidro suporte a pressão da água e não haja vazamentos. Quer saber como ter uma piscina de vidro em casa? Acompanhe!

Projeto da piscina de vidro

Como se trata de um item decorativo, é recomendado que o projeto seja elaborado em parceria com um arquiteto ou um decorador de ambientes. Assim, é possível tirar máximo proveito do espaço e do terreno. Normalmente, as grandes empresas de construção de piscinas já dispõem de uma equipe completa com os profissionais para cuidar desde o projeto até a construção da piscina de vidro.

 

Com a ideia da localização da piscina no terreno e o projeto do desenho, os especialistas analisam a área para verificar as condições do solo e a viabilidade de construir a piscina no local. As piscinas de vidro posicionadas no alto de edifícios ou que façam parte da arquitetura da casa, devem ser projetadas junto com a construção do prédio ou da casa. Isso porque a estrutura precisa estar preparada para suportar o peso da piscina.

A piscina de vidro oferece inúmeras possibilidades quanto ao design e sua integração com o ambiente:

  • a piscina pode ser inteira de vidro acima do solo
  • ser de alvenaria totalmente enterrada e apenas com as laterais em vidro acima do solo
  • ser parcialmente enterrada e com alguns recortes aparecendo o vidro
  • localizada em um andar superior, com o fundo em vidro, para que possa ser vista do andar inferior

Construção da piscina de vidro

Depois de confirmada a viabilidade de colocar a piscina de vidro no local desejado, passe-se à etapa de construção. A construção da piscina de vidro é semelhante à da alvenaria. É preciso escavar o terreno, se a piscina for enterrada, preparar o solo para ser concretado e fazer a impermeabilização.

O vidro usado na piscina é especial, com uma espessura adequada para que não haja fissuras e para que suporte a pressão da água. O vidro pode ser plano, para piscinas quadradas, ou fabricado com forma arredondada, para as laterais de um spa, por exemplo.

Uma das maneiras de fixar o vidro na estrutura de alvenaria é com perfis metálicos, que dão elegância à piscina. Depois de finalizada a construção, coloca-se água na piscina e se faz o teste de estanqueidade, para verificar se há vazamentos e a correta impermeabilização do fundo e das paredes.

Fonte: br.piscinas.com